enquete

  • Aqui vem o tema da enquete que poderá ser alterado acessando o Painel de Controle do Portal.
  • Opção 2
    Opção 3
    Opção 4

16/10/2013 10:42h - Atualizado em 16/10/2013 10:46h

FALTA DE GÁS DE COZINHA CHEGA A 20% EM PASSOS

Por Correio do Vale do Rio Grande
FALTA DE BOTIJÕES DE GÁS EM PASSOS CHEGA A 20 %
FALTA DE BOTIJÕES DE GÁS EM PASSOS CHEGA A 20 %

Com a greve de dos funcionários de distribuidoras de gás de cozinha do Estado de São Paulo fez afetar a distribuição em algumas cidades do Sul de Minas, inclusive Passos. 

Segundo Jonas Ricardo Suzuki, que é proprietário da Petro Passos Distribuidora de Gás Ltda - Ultragaz, a cidade está com falta de cerca de 20% do gás liquefeito de petróleo (GLP), gás de cozinha. Já o proprietário da empresa Santana Gás de Passos, Elder Fernandes Teixeira  disse que sua distribuidora chegou a ficar dois dias fechada na semana passada  por falta de gás. Há casos em que algumas distribuidoras das cidade fecharam as portas por falta de gás.
Segundo Jonas, sua distribuidora já buscou outra alternativa para a falta de gás que vem do interior de São Paulo, o proprietário disse que sua empresa está buscando os botijões da região metropolitana de Belo Horizonte. Jonas ressaltou também que "a população pode ficar tranquila que esses 20% por cento vão ser normalizados em breve e que a população não precisa estocar botijões em casa pois, essa falta é minima e cada gás dura no mínimo 30 dias", explica Jonas.
 
Motivos da greve
 
Os funcionários das distribuidoras de gás estão de greve, até que as reivindicações sejam julgadas pelo Tribunal Regional do Trabalho em São Paulo. Eles pediam um aumento salarial de 12,5%, mas agora já aceitam negociar a proposta por 7,39%. O sindicato patronal ofereceu 6%. Como não houve acordo, as reivindicações serão julgadas pelo TRT-SP. Além do reajuste salarial, os trabalhadores pedem também 200% na participação dos lucros e resultados das empresas.