enquete

  • Aqui vem o tema da enquete que poderá ser alterado acessando o Painel de Controle do Portal.
  • Opção 2
    Opção 3
    Opção 4

15/02/2019 10:32h - Atualizado em 15/02/2019 10:37h

Em Uberaba, Romeu Zema cumpre agendas com prefeitos do Triângulo Sul

Por Gil Leonardi/Imprensa MG
Zema encontra-se com prefeitos em Uberaba
Zema encontra-se com prefeitos em Uberaba

 

Após participar da posse da Associação dos Municípios da Microrregião do Vale do Rio Grande (Amvale), o governador de Minas Gerais Romeu Zema cumpriu agenda com prefeitos e com os diretores da Associação Brasileira de Criados de Zebu (ABCZ), e participou de roda de conversa com empresários, na sede regional da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), em Uberaba, no Triângulo Mineiro. A agenda extensa faz parte da programação “Giro pelo Estado”, que visa fortalecer a presença de representantes do Governo de Minas em todas as regiões mineiras. 
 
Em entrevista à imprensa, Romeu Zema afirmou que vai manter agendas nas diversas regiões do Estado para ouvir as demandas dos prefeitos, empresários e da população em geral.
 
“Estou fazendo mais uma visita ao interior do Estado. Isso faz parte do meu estilo de fazer gestão. Ir até as pessoas, conhecer os problemas e não ficar enclausurado. Sei que isso é necessário. Se você não escuta você não entende os problemas e não sabe adotar as medidas necessárias. Nesses 45 dias muita coisa já avançou, mas sei que temos muito a ser feito”, ressaltou. 
 
Durante a agenda na Fiemg, que reuniu dezenas de empresários da região, o governador afirmou que tem trabalhando para tornar Minas Gerais um Estado mais atraente para os investidores. “Tenho conversado com empresários que estão interessados em investir e se instalar em Minas. Estou disposto a ir atrás de investimentos”, garantiu.
 
Na ocasião, Romeu Zema ouviu demandas do setor e fez um panorama das ações já adotadas pela sua gestão, como os cortes feitos para reduzir o custo da máquina pública. Entre eles a decisão de não morar no Palácio das Mangabeiras como o último governador, a venda da frota de aviões do Estado, a revisão dos imóveis estaduais disponíveis e até mesmo o corte na rodagem do Diário Oficial de Minas Gerais, que passará a ser somente on-line. 
 
A presidente da Fiemg Regional Vale do Rio Grande, Elisa Gonçalves de Araújo, destacou a relevância da presença do governador e a abertura de um diálogo direto com os empresários. “Dialogar é necessário e ficamos felizes por o governo nos dar essa abertura”.
 
Decreto
 
Durante o encontro com prefeitos na sede da ABCZ, também em Uberaba, o governador Romeu Zema confirmou aos representantes dos municípios que vai revogar o Decreto 47.296, de 2017, um dos pleitos dos gestores. A norma foi criada pela gestão anterior estadual e é considerada prejudicial às prefeituras por obrigar que recursos oriundos, por exemplo, da arrecadação de impostos passem primeiro pelos cofres do Estado antes de cair nas contas das prefeituras. 
 
“Vocês conviveram com um problema que não era de responsabilidade de vocês e que agora estamos chamando para nós. Vou revogar o decreto que vocês consideram prejudicial. Vai ser revogado, já assumi esse compromisso. Vamos cortar o mal na raiz. Já tive a oportunidade de regularizar os repasses para as prefeituras, coisa que não acontecia há dois anos. Os prefeitos agora terão uma certa previsibilidade que, se não existe, fica muito difícil para as prefeituras trabalharem”, garantiu. 
 
ABCZ
 
Também na sede da ABCZ, Romeu Zema conversou com diretores da entidade, entre eles, o presidente Arnaldo Manuel de Souza, e ouviu demandas do setor. Um documento com propostas e pleitos foi entregue e o governador informou que ações serão tomadas para beneficiar produtores rurais de Minas Gerais. O agronegócio é responsável por 33,54% do Produto Interno Bruto (PIB) do Estado e o Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba concentram mais de 70% dessa produção.
 

“Tivemos uma reunião extremamente importante. Já informei a presidente da ABCZ que estamos totalmente a disposição e vamos assinar decretos que reduzem problemas que os produtores rurais têm enfrentado e que o ultimo governo acabou criando. Vamos desatar esses nós para auxiliá-los”, finalizou, após ser convidado para participar da 85ª ExpoZebu, a maior exposição de zebuínos do mundo, marcada para abril, em Uberaba.



Apoio

O vice-presidente da Associação Mineira dos Municípios (AMM) e ex-presidente da Amvale, prefeito de Pirajuba, Rui Ramos, ressaltou o apoio da entidade ao governador. “Nós prefeitos estamos com o senhor. Sabemos o grande abacaxi que o senhor pegou e a AMM é sua companheira. Fazemos cobranças incisivas porque estamos no nosso limite, já cortamos o que podíamos cortar, mas queremos ser parceiros do governo”, disse.

O presidente empossado da Amvale, Paulo Piau, entregou ao governador documento elaborado em conjunto pelos prefeitos da região com pedido de apoio para ações locais. “Gostaria de parabenizar o senhor pelos repasses constitucionais de fevereiro, que estão em dia. Sou regionalista e me preocupo com os pequenos municípios. A Amvale e as associações microrregionais daqui têm poder de alavancar o desenvolvimento econômico da região”, completou o prefeito.

Amvale

A Amvale foi criada em 1976 e é composta pelos municípios de Água Comprida, Campo Florido, Comendador Gomes, Conceição das Alagoas, Conquista, Delta, Nova Ponte, Pirajuba, Planura, Sacramento, Santa Juliana, Uberaba, Veríssimo. Todos eles integram a área geográfica que constitui a microrregião do Vale do Rio Grande, no Estado de Minas Gerais, no trecho onde o rio faz divisa com o estado de São Paulo.