enquete

  • Aqui vem o tema da enquete que poderá ser alterado acessando o Painel de Controle do Portal.
  • Opção 2
    Opção 3
    Opção 4

26/09/2018 07:01h - Atualizado em 26/09/2018 07:04h

Dinis Pinheiro lança Privilegiômetro para denunciar regalias

Por Assessoria de Imprensa de Dinis
Candidato a senador Dinis Pinheiro (coligação Reconstruir Minas)
Candidato a senador Dinis Pinheiro (coligação Reconstruir Minas)

 

O candidato a senador Dinis Pinheiro (coligação Reconstruir Minas) lançou, no início de sua campanha na internet, um site que disponibiliza ao usuário o quanto de dinheiro público é gasto para bancar privilégios nos Três Poderes. Batizado de Privilegiômetro, o assunto já reuniu mais de 82 mil acessos e visualizações na página de Dinis no Facebook.

Quem acessa a plataforma encontra, além do que é gasto anualmente para pagar privilégios, o que esse valor poderia representar em investimentos na população brasileira. De acordo com os índices do Privilegiômetro, os mais de R$ 2 bilhões de dinheiro público poderiam custear, por exemplo, 749.854 alunos; 1084 Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), ou fazer 100 reformas do Museu Nacional do Rio de Janeiro.

De acordo com Dinis Pinheiro, o Brasil não comporta privilégios anacrônicos que não cabem dentro do PIB. “Essas mamadeiras, esse excesso de vantagens estão claramente roubando dinheiro da saúde, da segurança, da educação. Quando você coloca na ponta do lápis é que você vê quanto dinheiro está indo para o ralo”, afirmou.

Dinis também salientou que o interesse das pessoas pelo site, apesar de despertar indignação pelo desperdício, leva à reflexão e faz com que os cidadãos pesquisem a conduta dos candidatos, sobretudo, os que exercem cargos públicos. “Quando presidi a Assembleia Legislativa estava absolutamente convicto de que esses privilégios tinham que ser banidos e, com apoio dos colegas, num grande movimento de austeridade, conseguimos acabar com auxílio-moradia, pagamento de 14º e 15º salários dos deputados, e pagamento por sessões extraordinárias. Foi o bastante? Não. Há ainda muito a ser feito e é por isso que eu quero ir para o Senado Federal,” finalizou.

O site pode ser acessado pelo endereço: www.dinis777.com.br/privilegiometro; ou www.privilegiometro.com.br